Banda Musical de Fajões homenageou António Pereira Pinho

Destaques Fajões

NO ‘IV ENCONTRO DE ORQUESTRAS JUVENIS’ EM FAJÕES

A Banda Musical de Fajões homenageou, no passado dia 14 de maio, António Pereira Pinho, que, estando perto de completar 97 anos, continua com a banda da sua freguesia no coração. A homenagem foi inserida na quarta edição do ‘Encontro de Orquestras Juvenis’ que se realizou em Fajões.

A história de vida de António Pereira Pinho anda de braços dados à da Banda Musical de Fajões. António nasceu no ano em que a banda foi fundada, em 1926. Foi aluno, diretor e é um perpétuo admirador da banda da sua terra. A banda fajoense, decidiu, assim, homenagear António Pereira de Pinho com a composição de uma marcha de homenagem, composta por Nélson Jesus. “Esta será a marcha com que começaremos os nossos concertos”, explicou António Aguiar, presidente da Banda Musical de Fajões à Azeméis TV/FM. O fajoense Samuel Oliveira, lembrou todo o “esforço e dedicação ao trazer instrumentos e recrutar novos elementos para a banda”.

A quarta edição do ‘Encontro de Orquestras Juvenis’ começou de manhã com uma caminhada, à qual se seguiu a homenagem a António Pereira Pinho. Da parte da tarde atuaram em Fajões a ‘Orquestra Juvenil de Fajões’ a ‘Orquestra de Sopros da Escola Sebastião Azevedo’, de Carregosa, a ‘Orquestra Jovem de Alvarenga’ e a ‘Orquestra Juvenil da Banda Pessegueirense’. O encontro foi uma organização conjunta da Orquestra Juvenil de Fajões e do Comité Organizador Paroquial de Fajões.

“Eu aprendi solfejo na Banda de Fajões, por volta dos meus oito anos. Passei a gostar muito da banda e fiquei agregado a isto . Foi uma marcha cheia, muito boa e bonita. Esta banda é um orgulho para Fajões e para nós todos. Todos juntos, conseguem fazer-se coisas muito boas".

António Pereira Pinho, homenageado

Além de ser descendente de famílias que estavam ligadas à banda, o senhor António dedicou uma vida inteira à Banda Musical de Fajões. Mesmo com quase 97 anos de idade, continua preocupado com a atividade da banda. É uma paixão difícil de explicar”.  

António Aguiar, presidente da Banda Musical de Fajões

 

“É graças a este tipo de pessoas, de figuras ilustres e notáveis, que nós  temos na nossa comunidade, em todas as nossas freguesias, que as instituições vão florindo, porque são pessoas que se dedicam de corpo e alma. Uma pessoa incontornável naquilo que é a cultura nesta freguesia e do nosso concelho”.

Joaquim Jorge, presidente da câmara municipal

 

“É um exemplo pela dedicação, não só há banda, mas estando presente em momentos decisivos da nossa freguesia. Fez parte de alguns processos decisivos, nomeadamente na atração do ciclo preparatório na altura para Fajões”.

Óscar Teixeira, presidente da Junta de Freguesia de Fajões

 

“Este ano o COP é quem está a ajudar na organização deste evento, até porque temos jovens, queremos passar um bom dia e angariar fundos para ambas as instituições”.

Carina Alves, membro do COP (Comité Organizador Paroquial de Fajões)

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Villa Cesari encerra época de atletismo com "balanço muito positivo"
12/07/2024
"Vamos subir à Elite. O FC Cesarense merece estar no mínimo nessa divisão"
12/07/2024
Largo da República repleto para noite de stand-up comedy e Dj Vero
12/07/2024
Noite Branca já começa a ganhar forma em Carregosa
12/07/2024
EBS Dr. Ferreira da Silva é quarta melhor escola pública do país
12/07/2024
UD Oliveirense apresenta-se aos sócios dia 27 de julho
12/07/2024
Zé Manuel é o 4º reforço da UD Oliveirense para a próxima época
12/07/2024
Bemposta Manuelina regressa em agosto
11/07/2024