Cesarense pede ajuda no combate contra o cancro

Destaques Freguesias Cesar

Luís Miguel Oliveira precisa de 13 mil euros para fazer mais uma cirurgia na conceituada Fundação Champalimaud, no próximo dia 25 de outubro. Quem poder ajudar pode enviar o seu donativo através de transferência MBWay para: 912340655, ou, pra o IBAN: PT50 0018 0003 6011 7819 0201 8

Exclusivo> Cesar: “Já fui submetido a cinco cirurgias”

Luís Miguel Oliveira, natural de Cesar, precisa de ajuda para o financiamento dos seus tratamentos na luta contra o cancro no intestino, com metástases no fígado. A lutar desde fevereiro de 2021, o mesmo já fez vários tratamentos e cirurgias, mas ainda sem conseguir ficar curado totalmente. Sendo a esperança a última a morrer, Luís pediu uma segunda opinião e pode ter encontrado uma solução mais eficaz na Fundação Champalimaud, uma prestigiada clínica privada, com resultados muito positivos, mas também com valores altos de tratamento. Assim, o cesarense apela à ajuda de todos para angariar fundos para a cirurgia que ronda o valor de 13 mil euros.

“Já fui submetido a cinco cirurgias”
“Foi em fevereiro de 2021 que me foi diagnosticado o cancro no intesti no e que já na altura tinha metástases no fígado. Desde então que se iniciaram os procedimentos necessários, que foi de imediato a cirurgia no Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia. Foi removido o temor primário no intestino e a metástase também. Fiz os tratamentos de quimioterapia, mas passado alguns meses em exames de rotina foram detetadas novas metástases no fígado, depois daí surgiram novas cirurgias e tratamentos. Desde 2021 até hoje já fui submetido a cinco cirurgias e a três fases de tratamento.”

A decisão de procurar a ajuda da Fundação Champalimaud
“Ao final de cada cirurgia achamos sempre que pode ficar por ali. No final da terceira operação ao fígado, prossigo com o tratamento de quimioterapia e acho que as coisas estão a correr bem, no entanto, fizemos depois os exames e volta a acusar. Como a doença já esta na rede sanguínea vai existir sempre a possibilidade de voltar a aparecer. Na última conversa entre médicos comigo ficou decidido que continuaria com os tratamentos, para evitar deixar que a doença progredisse, mas talvez devido ao excesso de tratamentos que já tinha feito, não aceitei bem esse último tratamento e as coisas não estavam a correr como esperávamos. Tivemos de fazer uma pausa e foi aqui decidi reunir a família e amigos e decidimos pedir uma segunda opinião na Fundação Champalimaud. Visto que temos aqui no nosso país uma instituição muito bem conceituada, porque não tentar pedir um orçamento e uma opinião.”

“Vou retirar 23% do fígado”
“Inicialmente tive de enviar toda a documentação e depois de ele avaliarem o meu caso, chamaram-me, o que significa que têm interesse em me tratar. Quando lá cheguei o médico que falou comigo foi muito assertivo nas palavras que disse. Olhando para todo o meu histórico, disse que a cirurgia ao fígado teria de passar pela retirada de dois segmentos onde há a reincidência da doença, que equivale a 23% do fígado. Entretanto, após esta consulta foi quando voltou a surgir a dúvida se o tumor tinha voltado ao intestino, mas nesta intervenção se acharem necessário e vierem que há alguma coisa a intervir no intestino, eles vão fazê-lo. Futuramente terá que ser necessários tratamentos, mas não a quimioterapia porque o meu corpo já está desgastado nesse sentido. No entanto, só vamos saber que tratamento é necessário depois da cirurgia.”

Todos podem ajudar o Luís 
“A Fundação Champalimaud tem uma taxa elevadíssima de sucesso, mas também tem os custos muito elevados e o valor orçamentado para a intervenção é de 13 mil euros. Isto é apenas o valor da cirurgia, ou seja, todos os tratamentos que se possa fazer posteriormente são à parte e mesmo o valor da cirurgia pode alterar, visto que, se for necessário mais alguma intervenção do que a que está prevista o valor já altera. Os donativos que têm chegado têm sido muito bons e desde já fica aqui a minha gratidão para todos aqueles que me têm ajudado, tenho sido muito acarinhado por todos. Todos aquele me possam ajudar podem fazer transferência por MBWay para o meu número de telemóvel, ou, fazer transferência bancária normal através de IBAN, todas estas informações podem encontrar na minha página de Facebook e Instagram.”
 

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Oliveirense surpreendida na Póvoa
13/04/2024
Nuno Pires deixa a liderança do PSD em O. Azeméis
12/04/2024
Agrupamento Soares Basto caminhou pela saúde
12/04/2024
Câmara e IP chegam a "acordo de princípio" para a construção da rotunda do Largo do Cavaco
11/04/2024
Oliveirenses entre os detidos por tráfico de droga
10/04/2024
Mulher ferida em colisão entre dois carros
10/04/2024
Trânsito cortado entre o dia 22 e 24 de abril
10/04/2024
Emblemático & Original vai celebrar sete anos
10/04/2024