“É Preciso uma Gala da Cultura do Concelho…”

O Comentário à Notícia

Ana Correia*

Caro/a leitor/a quero dar destaque a um evento realizado no passado dia 26 de maio, pelas 21h, no Auditório Diamantino Melo em Carregosa e que mereceu foto de destaque na capa deste jornal Concelhio – Correio de Azeméis, do dia 30/05/2023. Esta Gala como reporta a divulgação emitida pela Biblioteca Municipal Ferreira de Castro na sua página oficial de Facebook, visou “homenagear escritores/as locais, leitores/as em destaque da Biblioteca Municipal e outras entidades ligadas à cultura e às letras.”

Tive a oportunidade de estar presente na excelente iniciativa, não só como mera expetadora, mas como membro que colaborou com o Projeto das “Cãoleituras”, dirigido essencialmente para crianças com dificuldades na leitura, já que a minha cadela Ariel, foi uma das cadelas que integrou este projeto, “viajando” com os mais novos na carrinha itinerante que, ainda hoje, leva semanalmente a Biblioteca às Escolas do concelho. 
“O Palco das Letras” mostrou ser um evento de reconhecimento, de homenagem, de conhecimento e inspiração para todos os que ali estavam presentes. Quem ali estava, com certeza, conhecia a atividade que esteve envolvido/a, mas não conhecia os outros projetos, outros autores, outros membros, inclusivamente a história em vídeo do contributo que Ferreira de Castro deu a Oliveira de Azeméis. Naquele auditório, não houve tempo para ter sono, foi uma verdadeira maratona de reconhecimento literário, em que dos mais pequenos aos mais graúdos “transpiraram cultura”.
O que me questiono é porque não existir um evento de cultura no Concelho de Oliveira de Azeméis em vez de existir apenas um evento cultural essencialmente literário? Porque não existir a Gala da Cultura do Concelho?
A Cultura que nos últimos anos esteve guardada na gaveta, onde só se fazia o que se podia, provocado também pela pandemia, há que neste momento arregaçar as mangas e fazer jus àquilo que também faz evoluir a sociedade, contribuindo para gerar conhecimento entre gerações, bem como o exercício do pensamento crítico e um forte impulso para o relacionamento interpessoal, tão fundamental para vivermos em comunidade.
É preciso uma Gala Cultural que destaque o que de melhor temos e fazemos no nosso Concelho, não só de literatura, mas de cultura musical, teatral, de dança, etc. realçando num evento único os costumes, tradições, e evolução cultural no concelho ao longo dos anos. Deixo aqui a dica ao Executivo Camarário, para a promoção deste evento que deverá marcar a partilha e articulação entre freguesias, tornando um marco de homenagem do município à cultura oliveirense! 
* Mestre em Educação de Adultos e  Intervenção Comunitária, Gestora da Qualidade, 
Atleta do Núcleo de Atletismo de Cucujães

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Oliveirense oficializa saída de Edo Bosch
25/06/2024
Jovens que regressam: Motivações e investimento em regiões de baixa densidade após formação no ensino superior
24/06/2024
NAC é vice-campeão absolutos por equipas
24/06/2024
NAC volta à final da 3ª Divisão Nacional
24/06/2024
Faleceu o 'nosso' André, uma glória da Oliveirense
24/06/2024
Macieirense venceu a fase de grupos
24/06/2024
Mundialito Cesaz “promete agitar” a região
24/06/2024
Carlos Teixeira confirma candidatura a presidente da Oliveirense
24/06/2024