Fausto Sá faz o maior investimento privado da região

Destaques Exclusivos

Na área da saúde em Oliveira de Azeméis

Oliveira de Azeméis foi, recentemente, alvo do maior investimento privado, feito na área da saúde, da sua história. A obra é de Fausto Sá, proprietário do grupo de clínicas Centro Médico da Praça. Fausto Sá aponta abril como data possível para a inauguração do melhor equipamento de saúde privado do norte do distrito, o Centro Médico da Praça de Oliveira de Azeméis. Mas, o investimento na cidade, poderá não ficar por aqui.

Fausto Sá foi  convidado de Helena Terra no programa ‘ADN Oliveirense’. Além de proprietário do grupo de clínicas médicas,  é técnico especialista de análises clínicas e saúde e é um apoiante assíduo de várias instituições oliveirenses. Sem nunca esquecer Vale, em Santa Maria da Feira, a terra que o acolheu após o seu regresso de Angola, já se condira um “oliveirense adotado”. Fausto Sá conta, ainda, com um rico historial no campo da investigação académica, contando com vários louvores militares e diversas distinções, como a medalha grau ouro atribuída pela Liga Portuguesa dos Bombeiros. 

Oliveira de Azeméis, uma ambição antiga
“Estou com todo o empenho em Oliveira de Azeméis. As instalações que eu adquiri, já as comprei há 17 anos. Já tinha previsões de um investimento forte em Oliveira de Azeméis. Tinha a convicção que Oliveira de Azeméis seria um ponto importante de investimento. Infelizmente, Oliveira de Azeméis a nível de infraestruturas de saúde, foi perdendo respostas”. 

O maior investimento privado de sempre
“Os investimentos são elevadíssimos e na saúde quem quiser estar a acompanhar a evolução tecnológica tem que ter material  de última geração. Neste momento, em termos de radiologia, em termos de tac’s e ressonância temos o top a nível mundial.  Temos isso tudo aqui em Oliveira de Azeméis. O investimento feito é capaz de ultrapassar os 6 milhões. Só no campo da ressonância foram investidos um milhão e trezentos mil”. 

Clínica será o centro de algumas especialidades da região
“Vai ter um bloco operatório onde investi mais de meio milhão de euros. Um bloco operatório que é considerado top pelos requisitos exigidos.  Teremos também, um bloco para gastro. Um centro de gastro único na zona pela  elevadíssima qualidade. A clínica será o centro de algumas especialidades da região. Também teremos uma equipa de urgência e uma grande equipa de radiologia”.

A abertura do Centro Médico da Praça de Oliveira de Azeméis
“Eu queria abrir já amanhã , mas não faço mais projetos de abertura. Já cheguei a enviar convites e tive que desconvidar. É provável que seja em abril. Penso que as pessoas responsáveis, que poderiam interferir, estão distraídas”. 

“Existem demasiadas barreiras”
“É necessário deitar abaixo as barreiras que existem para abrir este tipo de espaços. Se hoje fosse para começar um projeto idêntico, não o faria aqui. Eu nunca contei com tantas barreiras. Não digo que seja só em Oliveira de Azeméis, são problemas regionais. Não quero que me respeitem a mim, quero que respeitem o investimento e o sacrifício”.

Uma nova vida para a cidade
“Vou contratar  pessoas daqui para dar emprego. As pessoas virão de fora para consumir em Oliveira de Azeméis. Provavelmente vêm em jejum fazer análises e comem aqui. Não me espanta nada que em frente à clínica  criem um café ou uma pastelaria. Este investimento  vai permitir um melhor apoio aos sinistrados da indústria. A indústria fica com um serviço à mão. Com menores perdas de tempo”.  

“Poderá nascer uma unidade de internamento”
“[A clínica em Oliveira de Azeméis] poderá ser um trampolim para um projeto mais arrojado. A grande cirurgia implica muito apoio de medicina interna e nesta clínica não teremos internamento. Ainda não temos, mas poderemos ter no futuro. Aquele terreno que lá está  não é para ‘estar às moscas’. Poderá nascer uma unidade de internamento com estruturas mais arrojadas”.

“Quando tenho acho que devo repartir”
“Tenho acho que devo repartir. E é desse dentro espírito que tento crescer. Mesmo agora tenho uma almofada para viver bem, mas continuo. Às vezes dizem que poderia tirar mais férias, mas gosto de trabalhar.  Vivo para a família e para o trabalho”. 

Os bons amigos oliveirenses
“Tenho bons amigos em Oliveira de Azeméis. Comovo-me porque nem sempre existem aqueles amigos fiéis e verdadeiros com quem podemos contar. E encontrei em Oliveira de Azeméis pessoas que me cativaram e que me deram confiança”. 

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
63 bombeiros vão receber distinções honorificas
23/05/2024
"Cativar os jovens para darem continuidade ao NAC"
23/05/2024
‘Meeting' lembrou António Pinho
23/05/2024
“É legítimo sonhar este ano”
23/05/2024
UDO Cerciaz Padel com início de segunda volta triunfante
23/05/2024
João Almeida bate recorde na Meia-Maratona
23/05/2024
Cesarense organiza Troféu Carlos do Guerra
23/05/2024
37.20 acontece de 25 de maio a 21 de julho
23/05/2024