Outubro é a data apontada para a ETAR de P. Bemposta

Pinheiro da Bemposta Destaques Concelho Travanca

Entre outros assuntos, o saneamento foi uma das principais preocupações da população

>Presidência aberta na União de Freguesias de P. Bemposta, Travanca e Palmaz

A ETAR de Pinheiro da Bemposta pode estar concluída ainda em outubro deste ano. O anúncio foi feito pelo presidente da câmara municipal, Joaquim Jorge, aquando da iniciativa da ‘Presidência Aberta’ que decorreu no passado dia 03 de julho, na União de Freguesias de Pinheiro da Bemposta, Travanca e Palmaz.

Ao longo da visita que fez nas três freguesias da união, o executivo camarário, juntamente com a presidente da união de freguesias, Susana Mortágua, visitou a futura ETAR de Pinheiro da Bemposta. Um investimento de cerca de um milhão de euros e que o presidente da câmara espera “ver cumprido o prazo que hoje nos foi indicado”, referiu em declarações à Azeméis TV/FM, sendo, “fundamental para que os efluentes que vamos recolher aqui na rede que estamos a instalar possam ser tratados”, disse ainda.

Outras questões:
“Qual é o esforço desta câmara para que nós tenhamos todos saneamento?  Eu tenho três casas na união de freguesias e neste momento não vou ter saneamento em nenhuma delas. (…) .”
Manuel Carvalho, de Travanca e  P. da Bemposta

“Penso que é fundamental, visto que a nossa freguesia é dispersa, ter um terminal de multibanco e o edifício de junta de freguesia seria o sítio ideal. (….) Outra questão é a falta de paragens de autocarro. Não existem praticamente nenhumas (em Palmaz), não são colocadas novas paragens. Por exemplo, em Nespereira de Baixo (Palmaz), no início do ano letivo eram nove crianças que apanhavam o autocarro, terminou o ano com apenas uma criança.” 
José Alexandre, Palmaz


“Ao início quando falávamos das zonas industriais, o presidente referiu que para Palmaz não pensa em algo do género, porque tem outras potencialidades. Eu gostava de saber que potencialidades são essas?”
José Soares, Palmaz

Joaquim Jorge responde:
“[Resposta a Manuel Carvalho] Não é verdade que alguns sítios nunca vão ter, vai ter sempre, mas há garantidamente lugares no concelho onde a solução terá de ser uma solução local, isto porque nós temos construções em locais que às vezes nem tecnicamente é possível lá chegar. Mas, mesmo que seja possível tecnicamente, para levar lá a infraestrutura pública é uma fortuna e temos de arranjar solução local. Neste momento não estamos a resolver o problema do saneamento em nenhuma freguesia do concelho, aquilo que estamos a fazer é em freguesias que não há praticamente nada, passar a ter alguma coisa. E passarmos de zero para 60 %, para nós é excelente. Construir saneamento em Oliveira de Azeméis ou em Santiago de Riba-Ul, não é a mesma coisa que construir em Palmaz, Ossela ou Loureiro, o custo de habitação é um terço. (…) Estivemos a trabalhar estes anos com grande esforço do orçamento municipal, onde investimos mais de 15 milhões de euros, esperamos agora que os primeiros avisos de fundos comunitários que saiam, sejam para expandir redes de água e saneamento. O senhor diz que nas suas três casas não vai ter saneamento, mas é para já, depois vai tê-lo (…).”

“[Resposta a José Alexandre] Sobre a caixa e multibanco. Havendo disponibilidade para a instalar no edifício da junta de freguesia e havendo disponibilidade de um operador bancário para lá a instalar, porque muitas vezes não existe essa vontade da parte dos bancos, faremos esse esforço. Temos feito vários pedidos para isso, e não nos custa nada tentar e podemos falar com algumas instituições bancárias para isso. (…) Em relação às paragens de autocarro, temos neste momento um concurso aberto há quatro anos, finalmente acho que vai ter um desfecho. São 80 abrigos de passageiros, vão substituir 40 existentes e vão acrescentar mais 40 abrigos novos. Se o seu caso em concreto não for contemplado, nós tratamos a situação fora do concurso e compramos um abrigo e colocamos lá, porque isso é a condição mínima indispensável.”

“[Resposta a José Soares] Eu quando disse que não gostaria que Palmaz se transformar-se num polo industrial é porque a freguesia atualmente não tem grandes condições para isso. Palmaz tem a felicidade rara de ter um rio extraordinário e uma paisagem com uma beleza natural fantástica, como tem Ossela. Estas duas freguesias se forem bem trabalhadas, do ponto de vista turístico, há ali ‘pano para mangas’ e têm capacidade para atrair riqueza e criar empregos como tem as indústrias. Agora é preciso potenciar isso.”
 

“A ETAR é um equipamento importante para o funcionamento da rede de saneamento. É uma obra de extrema importância para a freguesia. Infelizmente Pinheiro da Bemposta ainda não terá 100% de cobertura de rede, mas já teremos cerca de75% e futuramente vamos trabalhar para que chegue às restantes freguesias da união.”
Susana Mortágua, presidente da União de Freguesias de Pinheiro da Bemposta, Travanca e Palmaz
 

“De nada nos vale este investimento, de mais de 1,6 milhões de euros que estamos a fazer para criar cobertura de água e saneamento nesta freguesia, se depois não tivermos condições para encaminhar esse saneamento para tratamento. Portanto, esta ETAR é um equipamento crítico e fundamental para que possamos tornar eficaz a rede de recolha que estamos neste momento a implementar. Eu gostaria muito que este prazo de outubro fosse concluído, porque queremos o mais rápido possível, colocar a rede em funcionamento. Neste momento, a ETAR vai servir a freguesia de Pinheiro da Bemposta, depois temos outras ETAR’s para construir no concelho. Ficamos agora com a ETAR de Ul e Pinheiro da Bemposta.
Joaquim Jorge, presidente da câmara municipal 

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Oliveirense oficializa saída de Edo Bosch
25/06/2024
Jovens que regressam: Motivações e investimento em regiões de baixa densidade após formação no ensino superior
24/06/2024
NAC é vice-campeão absolutos por equipas
24/06/2024
NAC volta à final da 3ª Divisão Nacional
24/06/2024
Faleceu o 'nosso' André, uma glória da Oliveirense
24/06/2024
Macieirense venceu a fase de grupos
24/06/2024
Mundialito Cesaz “promete agitar” a região
24/06/2024
Carlos Teixeira confirma candidatura a presidente da Oliveirense
24/06/2024