Simoldes na vanguarda do futuro

Destaques Concelho

A também empresa oliveirense Schmidt Light Metal fez parte do projeto

As conclusões do projeto ‘PAC – Portugal Auto Cluster for the future’, onde foi projetado o novo carro do futuro, promovido pela MOBINOV – Cluster Automóvel de Portugal, foram apresentadas na passada sexta-feira nas instalações do Grupo Simoldes, que fez parte das entidades que colaboraram no projeto e foi a empresa líder do mesmo. O evento contou com a presença do ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva.

Conforme referiu o presidente da MOBINOV, Jorge Rosa, a Simoldes teve “um papel fundamental e determinante na coordenação da PAC.” Assim, a empresa oliveirense ajudou, nomeadamente, a conceber os interiores do carro, onde a tela que reveste os interiores do veículo futurista, foram uma das suas responsabilidades.
O carro do futuro andou pela primeira vez em Oliveira de Azeméis, e teve como seu primeiro passageiro o ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva. Equipado com tecnologia de ponta, toda a sua estrutura, desde os principais mecanismos, até ao pormenor mais simples do interior e design do carro foram pensados ao pormenor. Foram 21 entidades (nove empresas industriais e 12 entidades do sistema científico e tecnológico), que trabalharam no projeto e teve um total de investimento de 8 milhões de euros elegíveis. 

“O objetivo estratégico deste esforço de investimento da Simoldes, devidamente articulado com os outros parceiros, será sempre o desenvolvimento de novos produtos e processos, para potenciar o desenvolvimento do seu negócio. (…) A Simoldes tem a intenção de continuar a apostar em outros projetos que deem continuidade ao agora apresentando, com o objetivo de potenciar a aplicação destas soluções na vida real, em benefício das pessoas, empresas e cidades.”
António da Silva Rodrigues, presidente do Grupo Simoldes

“A indústria está no cerne da criação. É por isso que o exemplo que temos aqui hoje com este grande projeto, é absolutamente folecra para o futuro. A indústria de componentes tem tido um papel fundamental. Vamos ter um pacote dedicado a estes grandes projetos, mobilizando aquilo que resta dos empréstimos no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) da União Europeia. Da parte do governo estamos a fazer um esforço titânico para articular novas ferramentas e novos projetos para posicionar o país nesta transformação energética.”
António Costa Silva, ministro da Economia e do Mar

“Tivemos a oportunidade de perceber que em resultado da conjugação de esforços, a indústria automóvel, mas também dos centros de inovação e desenvolvimento, foram apresentados um conjunto de projetos inovadores, direcionados para a indústria automóvel. Portanto, não é verdade que em Portugal não exista capacidade para inovar e desenvolver, temos é de fazer aquilo que por vezes é difícil. Pegar nas respostas que já existem e transformá-las numa rede, tal como aconteceu.”
Joaquim Jorge, presidente da câmara municipal, ao Correio de Azeméis 

Partilhar nas redes sociais

Comente Aqui!









Últimas Notícias
Fátima Lopes: " A leitura é dos melhores alimentos para a alma"
20/06/2024
Tiago Ferreira arrancou de Oliveira de Azeméis para obter recorde mundial
20/06/2024
Tomada de posse da nova Comissão Política Concelhia do PSD no próximo dia 28 de junho
20/06/2024
Marchas Populares de volta à Escravilheira
20/06/2024
Mulher ferida em colisão entre dois carros
19/06/2024
Escola Livre de Azeméis acolhe pela 1ª vez Campeonato Feminino Sub-19
19/06/2024
Oliveirense volta a estar na luta pelos títulos nacionais
19/06/2024
Arraial de S. Roque começa a ser tradição
19/06/2024